3ª Mostra de Tiradentes


 

3ª Mostra “Tiradentes em Cena” homenageia os 50 anos de carreira de Pedro Paulo Cava e terá edição dedicada ao Teatro de Bonecos.

Evento reunirá 25 atrações de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo na charmosa cidade de Tiradentes (MG) entre os dias 15 e 23 de maio.

image001

Cena do espetáculo “Samba, Amor e Malandragem”, que abrirá o evento.

A pequena e charmosa cidade de Tiradentes, um dos principais destinos turísticos de Minas, terá sua rotina alterada entre os dias 15 e 23 deste mês. A mostra de teatro Tiradentes em Cena chega a sua terceira edição e vem se firmando no cenário teatral do país como um espaço democrático, tanto pelo acesso gratuito às atrações, como também na grande diversidade de linguagens.

Em 2015, a mostra presta homenagem ao grande diretor, produtor e professor Pedro Paulo Cava, que completou 50 anos de carreira. Uma exposição sobre a vida e obra deste mineiro notável ficará em cartaz durante todos os dias do evento no foyer do Sesi – Centro Cultural Yves Alves, além da apresentação do espetáculo “Samba, Amor e Malandragem”, grande sucesso produzido por Pedro.

Com temática dedicada ao Teatro de Bonecos, o festival contará com uma exposição organizada pela Associação de Teatro de Bonecos do Estado de Minas Gerais (ATEBEMG), além de palestra e um dia inteiro dedicado a apresentação de espetáculos que trabalham com esta arte milenar que agrada a adultos e crianças.

– 2015 tem sido um ano bem difícil economicamente no setor da cultura e foi preciso muita criatividade e parceria para conseguirmos manter uma programação de alto nível. O conceito que criamos desde a primeira edição de colocar essa bela cidade como cenário do próprio festival será muito aproveitado. Estamos levando peças de qualidade para serem apresentadas em espaços públicos, além de performances e ocupações inusitadas – conta a idealizadora e coordenadora do Tiradentes em Cena, Aline Garcia.

Comédias, dramas, infantis, show: 25 atrações de Minas, Rio e São Paulo movimentam a cidade.

Assim como nas duas primeiras edições do evento, este ano a mostra leva para Tiradentes produções consagradas pela crítica e público, alternando espetáculos produzidos em Minas Gerais e Rio de Janeiro e encerrando no dia 23 com a peça Cidade dos Sonhos, do grupo paulista Nau de Ícaros. O Sesi – Centro Cultural Yves Alves receberá peças como a premiada “Tomo Suas Mãos Nas Minhas”, protagonizada pelo casal Roberto Bomtempo e Miriam Freeland, ambos indicados ao prêmio Shell por suas atuações neste tocante drama. Além dos espetáculos mineiros “Cachorro Enterrado Vivo”, que fará sua primeira apresentação fora de Belo Horizonte; “Até o Fim” e a peça “O País do Desejo do Coração”, dirigida por Matheus Nachtergaele e patrocinada pelo Tiradentes em Cena na segunda edição, que retorna ao festival depois de circular por algumas cidades de Minas. Ainda no Yves Alves, teremos os espetáculos cariocas “Cachorro Quente”, “Um dia Qualquer” e “Vianinha conta o último combate do homem comum”.

Espaços alternativos também servirão de cenário. A igreja São Francisco de Paula foi o local escolhido para a apresentação do show da cantora e atriz de grandes musicais Izabella Bicalho. Acompanhada de três músicos ela fará um show inédito com um repertório que inclui canções dos mais famosos musicais interpretados pela atriz.

O Museu da Liturgia receberá o monólogo de Ana Gusmão, “O Sábado da Carne”; o Sobrado Quatro Cantos receberá o grupo de Juiz de Fora Não Vão Além e o Museu de Sat’anna a peça “Clave de Dó”. As ruas de Tiradentes serão ocupadas com o grupo de Alpinópolis apresentando o “Auto da Folia” num trajeto que irá da Maria Fumaça ao Centro da cidade, além do grupo de lendas São Joanenses, que fará um percurso entre a Matriz e o Yves Alves. Já a praça será o palco para a apresentação do premiado espetáculo infantil “Pedro Malazarte e a Arara Gigante”, que traz em seu elenco a atriz Luisa Arraes, a Laís de Babilônia.

Performances inusitadas movimentam o Tiradentes em Cena

A cidade também será ocupada por performances inusitadas que prometem deixar o público em êxtase. De São Paulo, o coletivo ¿ apresentará o projeto Escorreria, da artista Livia Rios, na escadaria da Matriz. Um experimento a partir da relação corpo-escada desenvolvido a partir do projeto |Entre|ladeiras do Núcleo Aqui Mesmo (SP). Um dos mais importantes grupos de performes-pesquisadores de Belo Horizonte, o Estação Experimental MUDA fará uma residência artística durante o evento e o público terá acesso a apresentações entre os dias 21 e 23 ás 21h no Sobrado Quatro Cantos.

– O objetivo de um festival é promover uma troca entre os artistas e estabelecer uma relação íntima com a plateia. A cidade por si só já favorece esse movimento. Costumo dizer que o Tiradentes em Cena é um evento para toda a família. A programação inclui desde peças mais “malditas”, que nos fazem refletir, até os espetáculos de fácil compreensão destinados para todas as idades – Conclui Aline.

O Tiradentes em Cena é um evento gratuito e acontece entre os dias 15 e 23 de maio com patrocínio da CEMIG. Confira a programação em anexo.

Tiradentes em Cena
De 15 a 23 de Maio
Programação completa: www.tiradentesemcena.com.br


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Calendário de postagens

dezembro 2017
D S T Q Q S S
« nov    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31