Em Cartaz: O Branco dos Seus Olhos


 

De autoria de Alvaro Campos, supervisão de Julia Spadaccini e direção de Alexandre Mello, a peça apresenta um novo olhar sobre as relações em tempos de redes sociais

 Karina, uma jovem do interior, marca pelo facebook um encontro com Lauro, um amigo de infância, num apartamento vazio. Ao chegar encontra Raquel, mulher de Lauro – que chegou mais cedo de viagem. De autoria de Alvaro Campos, a peça “O branco dos seus olhos” tem direção deAlexandre Mello e estreia em curta temporada no Espaço SESC, de 5 a 21 de dezembro.

Raquel (Karine Telles) uma alta executiva, recém-casada com Lauro (Fabiano Nunes), é transferida para Buenos Aires. Ele, um dançarino contemporâneo, deixa o país e carreira para acompanhar a esposa num país estranho. Ela, racional e metódica. Ele, sensível, usa a dança para se expressar. Depois de alguns anos, ao retornar ao Brasil, uma possível traição é descoberta. E que pode ter acontecido apenas pela internet, através de conversas pelo facebook com Karina (Amanda Vides Veras), uma amiga de infância. “O afeto exercido no espaço virtual tem validade concreta?”, indaga Alvaro Campos, autor da peça.

OBranco_fotoAnaRovati_9_lr

“O branco de seus olhos” é o primeiro trabalho teatral do jovemroteirista, que escreveu em sete anos mais de 16 programas de TV. A peça tem supervisão de Julia Spadaccini e direção de Alexandre Mello, que trabalharam juntos em “Quebra-ossos” (2012) e “Aos Domingos” (2013), ambos indicados ao Prêmio Shell.

O texto traz recortes de tempo e espaço. O encontro de Raquel e Karina no apartamento no Brasil é costurado por lembranças de sua vida em Buenos Aires anos antes. Enquanto Lauro, o pivô, é aguardado, Karina tenta provar à mulher que não se trata de uma traição. As duas possuem distintas visões dele. Raquel o vê como um artista metódico e emocionalmente inacessível. Karina o descreve como um menino idealista sem medo de se entregar a aventura alguma. “São duas personagens femininas fortes que travam uma queda de braço sem pudores. Mulheres incríveis que amam o mesmo homem e que dele tem visões completamente diferentes”, define o autor.

Raquel e Lauro buscaram se adaptar em Buenos Aires. Ela, bem-sucedida. Ele, um artista de pouca expressão que larga tudo para acompanhar a esposa, 10 anos mais velha. Lá a relação começa a sofrer. Ela prefere a reclusão no lar, enquanto ele busca estabelecer novas relações na cidade. O distanciamento de interesses causa uma profunda insegurança em Raquel que faz uma proposta: financiar um espetáculo solo do marido, promovendo o lançamento de sua carreira. O diretor Alexandre Mello destaca que “a revelação dos verdadeiros objetivos de cada personagem é um dos pontos altos da trama. Sem banalidades ou truques fáceis, Alvaro nos conduz numa tensão exata, entre passado e presente, revelando a cada cena parte de uma história, que nos superestima como espectadores, surpreendendo-nos todo o tempo”.

A inspiração do texto surgiu de acontecimentos reais. Uma mulher foi esfaqueada e pediu ajuda pelo facebook, ao invés de recorrer por telefone à emergência, à família ou aos amigos. Outra escapou de um estuprador também pedindo socorro pela rede. Um sujeito assassinou o amigo que “cutucou” sua namorada virtualmente. “A história se repete em outros crimes, com intensidades maiores e menores, mas sempre apontando como a expressão no âmbito virtual pode ser percebida de uma forma tão concreta que pode significar uma resposta para necessidades completamente reais e viscerais – como salvar a própria vida”, conclui Alvaro.

 SOBRE O AUTOR

Formado pela ECO/UFRJ, Alvaro Campos criou e escreveu a série de TV “Os Buchas”, produzida pela OI TV (2008-09) e licenciada para o Multishow/ Globosat (2012). Projeto premiado pelo Pitching Nacional OI (2008) e Fórum Internacional de Televisão/Tela Viva (2007) como melhor série independente. Co-criador e roteirista do Furo MTV (2009). Como roteirista-chefe implementou o Comédia MTV, eleito pela Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) como melhor programa de comédia de 2010. Para o Multishow, foi roteirista-chefe das sitcons “Open Bar” e “Os Gozadores” e supervisor artístico dos programas Prêmio Multishow de Humor e “Sem Análise”, de Tatá Werneck. Autor do drama “Cris – o outro lado da bola” – cujos direitos foram recém-adquiridos pela TV GLOBO/ Globosat.

 SOBRE O DIRETOR

Diretor, ator e preparador de atores, Alexandre Mello acumula mais de duas décadas de experiência no teatro. Como diretor, destaque para “Quebra Ossos”, de Julia Spadaccini, indicado ao Prêmio SHELL (2012), “A Paisagem Daqui é Outra”, com Cia. Márcia Rubin, escolhido entre os Dez Melhores do Ano de 2001 pela Crítica de O Globo, “Vassah” de Máximo Gorki, “Vestido de Noiva”, de Nelson Rodrigues, “Insulto público” de Peter Handke e “Canção de Mim Mesmo”, de Walt Whitman. Um dos criadores do curso da UniverCidade, fundou em 2005, o Grupo Ateliê Usina. Atualmente é diretor artístico do Teatro Gonzaguinha da Rede Municipal do Rio de Janeiro e prepara “Quatro janelas para o paraíso”, de Tennessee Williams.

 
FICHA TÉCNICA
Autor: Alvaro Campos
Direção: Alexandre Mello
Supervisão de Dramaturgia: Julia Spadaccini
Elenco: Amanda Vides Veras, Fabiano Nunes e Karine Telles
Trilha Sonora e Direção Musical: Paulo Francisco Paes
Figurinos: Elisa Falhauber
Coreografia e Preparação Corporal: Paula Maracajá
Direção de Produção: Gabriela Imelk
Produtor Associado: Pablo Sanábio

SERVIÇO
Espetáculo: O BRANCO DE SEUS OLHOS.
Espaço SESC – Multiuso – Rua Domingos Ferreira, 160, Copacabana. Tel.: 2547-0156.
Ingressos: R$ 5 (associados do Sesc), R$ 10 (estudantes e idosos) e R$ 20 (inteira).
Temporada: 5 a 21 de dezembro.
Horários: quinta a sábado, 19h; dom 18h.
Capacidade: 80 lugares
Classificação etária: 14 anos
Duração: 75 min
Gênero: Drama
Funcionamento da bilheteria: De terça a domingo, das 15h às 21h.

Assessoria de imprensa do espetáculo:
Astrolábio Comunicação
Bianca Senna
bianca@astrolabiocom.com.br


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Calendário de postagens

abril 2017
D S T Q Q S S
« mar    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30