Roberto D’Ávila Estreia Programa na Globo News


 

rd10

A Globo News estreia hoje na sua programação “Conexão Roberto D’Ávila”. D’Ávila leva para a TV a cabo um programa que vem fazendo desde 1983, quando lançou na extinta TV Manchete o “Conexão Internacional”, na época era de longe o melhor e mais representativo programa de entrevistas da TV brasileira. Anos depois deu continuidade na TV Bandeirantes e depois na TV Brasil a mesma fórmula com o nome que leva hoje “Conexão Roberto D’Ávila”.

Considero Roberto D’Ávila o melhor entrevistador de TV brasileira. Tem como grande característica a discrição, nunca tenta aparecer mais que o entrevistado e principalmente: deixa o seu convidado falar. Pode parecer óbvio, mas não é. Nesses nossos tempos de vedetismo e estrelismo exacerbado, vejo entrevistadores que querem perguntar mas não estão minimamente interessados em ouvir respostas. Lembro de um caso notório de uma entrevista que o cineasta português, Manoel de Oliveira,  deu a Marília Gabriela, que aguardei ansioso e que ao final, o cineasta não conseguiu concluir um único raciocínio durante todo o programa sem ser interrompido pela “estrela do jornalismo”.

Com Roberto D’Ávila a entrevista entra em clima de conversa amigável, aonde o entrevistado consegue desenvolver seu pensamento e suas teses, sem ter um contra plano com uma boca nervosa pronta para interrompê-lo. Seu intuito não é colocar o entrevistado contra a parede, mas faz isso sem ser chapa branca. Seu interesse está na maneira como pensa seu entrevistado e é isso que tenta arrancar. Dono de uma vasta cultura, refinado, viajado, com grande trânsito nos meio intelectuais, seus programas mantém há décadas um grande charme que nenhum outro tem.

Numa época mais distante, aonde o mundo lá fora era muito mais distante do que é hoje e os jornalistas brasileiros não tinham o acesso as grandes estrelas internacionais, Roberto D’Ávila, principalmente nos seus grandes tempos de TV Manchete, conduziu entrevistas históricas na televisão brasileira, num programa que tinha como diretor nada mais nada menos que Walter Salles. Que outro jornalista brasileiro daquele período entrevistou nomes como Borges, García Marquez, François Mitterrand, Chagall, Woody Allen, Fellini, Catherine Deneuve Marcello Mastroianni?  Não eram essas entrevistas protocolares que vemos hoje em qualquer canal a cabo para promover algum filme. Eram entrevistas longas, com conteúdo, reflexão, sem respostas prontas do entrevistados, aonde Roberto os obrigava a aprofundar seus pensamento.

Além da relevância dos nomes citados, algumas das mais importantes personalidades do mundo dos anos 80, recordo-me de 2 entrevistas suas que considero históricas e absolutamente inesquecíveis: Yves Montand e Fidel Castro.

Não recordo-me de nenhuma outra entrevista que Montand tenha dado a televisão brasileira, mas ali, diante de Roberto D’Ávila deu uma linda entrevista, repleta de confidências, ternura e encantando a todos com seu charme incomparável. O engraçado é que essa entrevistas D’Ávila conseguiu ao acaso. Voltando do interior da França após entrevistar Chagall, parou para dormir no “Colombe D’Or”, que pertencia a Montand. Pasmo ao vê-lo, abordou-o e solicitou essa que foi uma das mais lindas entrevistas que vi.


.

A entrevista com Fidel Castro foi altamente relevante. Estamos falando do início da década de 80, quando o Brasil saía da Ditadura e Cuba ainda representava um sonho utópico na nossa pureza, antes do Regime apodrecer. Ali Fidel pôde com sua verve e capacidade de hipnotizar falar seus pensamentos, que naquela época ainda parecia ser um discurso viável, embora utópico. Saiu as ruas de Havana com Roberto e mais tarde encontrou o jornalista no alto a Sierra Maestra, ponto inicial da revolução cubana. Roberto D’Ávila subindo da Sierra Maestro em lombo de burro é uma cena antológica.


.

Infelizmente depois da decadência e falência da TV Manchete, Roberto D’Ávila perdeu visibilidade dentro da grande mídia. Continuou pela TV Bandeirantes e TV Brasil, mas injustamente não despertava a atenção que merecia, apesar da relevância dos seus entrevistados, como presidentes da República, pensadores, escritores, atores nacionais e estrangeiros. Espero que agora na Globo News volte a alcançar a representatividade que seu enorme talento merece, mesmo que seja numa TV a cabo, até porque a Globo News tem um peso jornalístico muito superior que as TVs Bandeirantes e Brasil.

O Programa começa hoje à meia-noite, tendo como entrevistado o Presidente do STF Joaquim Barbosa.


Palpites para este texto:

  1. Caro Roberto,
    Em sua entrevista com Lulu Santos o entrevistado deu uma informação incorreta devidamente corroborada pela emissora. Lulu disse que escolheu para o tema de abertura da novela Brilhante a música Menino do Rio, mas o tema é Luiza, de Tom Jobim. Menino do rio é tema de Água Viva.

  2. Sou assinante da NET. Gostaria de sugerir ao Jornalista Roberto D’Avila que fizesse um pesquisa antes de escolher seus entrevistados. Nos últimos programas ele entrevistou os dois piores Senadores da República, segundo a Revista Veja.
    Um deles, Senador Cristovão Buarque, que um dia esteve sintonizado com ideais verdadeiramente democráticos, em tom de lamento disse que faltava ao Brasil alguém com autoridade moral. Essa afirmação vai de encontro aos ideais totalitários. Hitler e Stalin foram autoridades morais, como os nossos generais. Quem teria mais autoridade moral que Ernesto Geisel? Esperava ouvir do Senador Cristovão a seguinte afirmação: “Triste do país que necessita de ídolos e de alguém com autoridade moral”.

    Atenciosamente,

    Jorge Gonçalves

  3. Dear Roberto,

    Um dia desses precisamos nos ver. Saudade! Quero te mandar uma crônica jocosa de quem usa celular e smartphoones sem parar. Para qual endereço? Tenho muitos livros sperios publicados, mas esses são muito longos para ler. Um abração, dudu

    SUA PRODUÇÃO É SEMPRE ÓTIMA

  4. Bom dia. Eu acho o programa de Roberto D`avila da Globo News, não leva a lugar nenhum para os brasileiros pois as perguntas que ele faz ao entrevistado e só para elogia-lo, as perguntas feita pelo jornalistas não apresentam conteúdo politico que realmente interessa o telespectador;o jornalista não coloca o entrevistado em uma armadilha para tirar dele as partes ocultas que os brasileiros estão querendo saber.
    O jornalista em sua entrevista só elogia , e ele procura não tocar nos segredos que o entrevistado tem escondido;fazendo perguntas somente que eleva o status do entrevistado , indo com isto a lugar nenhum , são perguntas bobas e vazias sem nenhuma consistencia que interessa, e um verdadeiro ” papo furado”.

  5. Boa tarde.O programa dirigido por Roberto D`avila na globo news, para mim e um verdadeiro papo furado, porque não leva a lugar nenhum para os brasileiros,; o que os brasileiros querem saber na realidade e o que os entrevistado fizeram de errado , nos casos dos políticos , e o que se vê no programa de Roberto D`avila e um verdadeiro papo furado , sem nenhum conteúdo útil para os brasileiros; e um programa sacal e enjoado , sem colher nada que interessa no sentido ético da politica brasileira.O autor do programa tem que mudar o nome deste programa para conexão para o papo furado.

  6. Roberto meus parabéns por suas entrevistas faça um convite o Ministro Ciro Gomes é politico do mais alto grau,gente honesta trabalhadora,fala com clareza e com firmeza,de um modo que o povo entende, tem propriedade em suas palavras,excelente entrevista!!! Parabéns!!! formato de um jornal serio e comprometido em proporcionar ao povo esclarecimentos como este que acabo de assistir, este video deveria ser viral.. Um forte abraço.

  7. Boa noite. Compartilho do mesmo pensamento do sr. Sérgio Marques, que as entrevistas do sr. Roberto D’Avila é um tremendo bate papo furado, ainda mais depois da entrevista com o Exmo. Sr. Presidente Michel Temer, que também tem em sobrenome Lulia, pasmem brasileiros. A entrevista com sr. é uma vergonha, pois é um demagogo que sempre mamou na “teta” desses governos vergonhoso s Éden posturas como o nosso, inda mais com esse nosso governante. Tenho vergonha de um presidente como nosso!!! Não merece ser brasileiro e o sr. Roberto deveria rever suas entrevistas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Calendário de postagens

julho 2017
D S T Q Q S S
« jun    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031